sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Aos leitores




Nunca foi minha pretensão agradar ou desagradar ninguém e sim partilhar as percepções desta alma, assim agradeço não só os leitores do luso, mas sim a todos da web. Em um período de menos de três anos, meus textos alcançaram a marca de três milhões de leituras, uma média de um milhão por ano. Vinte e oito mil comentários, novecentos emails recebidos falando sobre os textos, entre eles, vinte e cinco pedidos de Blogueiros para tradução e divulgação em outros países, cento e trinta e quatro agradecimentos mais calóricos, crítica de montão e várias ameaças, que me levaram a registrar algumas queixas na delegacia especializada de minha cidade. Neste período escrevi cinco livros sobre temas espirituais, que ainda aguardam por um “bom revisor” para uma publicação mais adequada. Aguardo candidatos. Enfim reintero meu agradecimento aos leitores de todos os cantos do planeta. Luz

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Quebra de votos conscientes


Quebra de votos conscientes
Neste momento, estou quebrando todos os votos que fiz para viver a ilusão da inconsciência.
Como portador da Luz de minha linhagem genética, quebro esses votos em meu nome e em nome de todos os meus ancestrais.
Revogo e anulo esses votos destituindo-os de valor para esta encarnação e para todas as outras através do tempo e do espaço, das realidades paralelas, dos universos paralelos, das realidades alternativas, dos universos alternativos, de todos os sistemas planetários, de todos os sistemas de Origem, de todas as dimensões e do Vácuo.
Peço para ser libertado de todos os cristais, mecanismos, formas de pensamento, emoções, matrizes, disfarces, memórias celulares, ideias acerca da realidade, limitações genéticas, bem como da morte.
Agora!
Segundo a Lei da Graça e pelo Decreto da Vitória!
Pelo Decreto da Vitória! Pelo Decreto da Vitória!
Conforme a vontade do Espírito, peço para Despertar!
Conforme a vontade do Espírito, estou Desperto!
No princípio, Eu Sou o que Sou!
B’resheet, Ehyeh Asher Ehyeh!

domingo, 9 de novembro de 2014

As trocas de energias consentidas e compulsórias


Este é um texto totalmente focado no espírito, continuar a leitura é por conta e risco do leitor.

Quando era adolescente lia a mão das pessoas. Com um simples toque já sabia tudo que precisava sobre a pessoa diante mim. Certa ocasião em meio a amigos chegados, uma moça aproximou-se de mim e pediu-me que lesse a mão dela, ao segurar sua mão disse-lhe: Você quer muito casar, mas não vai. Na mesma hora meus amigos a levaram embora e passaram a recriminar-me, pois o grande sonho dela era esse. Este episódio foi definitivo para que nunca mais lesse mais ninguém, já decorreram trinta e cinco anos, ela teve namorados, uma filha, mas nunca se casou. O que de fato quero dizer é que, se um simples toque pode trazer uma troca de energia “absurdamente grande”, dirá uma relação sexual. Na relação sexual, verdadeiramente a pessoa se tornará um só corpo, uma só carne. A troca de energia é tão intensa, que a penetração vai muito além do físico, inebriando a alma e a depender da energia recebida, experimentar verdadeiramente tanto céu, quanto o mais terrível dos “quintos dos infernos”. E vou mais longe, a energia de um único coito, leva seis meses para “sair”. A depender da frequência a pessoa passa a nem sentir mais “ela mesma”, ou seja, a própria alma. Uma pessoa perguntou-me por que as pessoas andam tão afastadas do espírito, respondo: Porque se disseminou tão fortemente o culto a sexualidade, banalizando o ato sexual, que as pessoas perderam a capacidade de serem elas mesmas. Assim um homem infiel que saia com prostitutas, que recebe enormes quantidades de energias diferentes, passará para ele tudo isso e o mesmo para sua esposa ou parceira. O mesmo vale para a mulher que tenha vários parceiros. Nesta mistura infernal de energias, as pessoas estarão mais perdidas do que cego em tiroteio. São pessoas drogadas por todo tipo de energia que receberam. Isso se sabe desde a antiguidade, quando a sexualidade sobe a espiritualidade cai. Antigamente diziam: Sexo só para procriação, mas o homem o faz por prazer e com inúmeros parceiros. Privados dos deleites celestiais os homens se prostituíram vivenciando hoje, quase nada do que são. Neste sentido de energia a camisinha não protege absolutamente nada. E como tudo é sujeito a diversas interpretações,digo: Não estou falando mal de nada, apenas conscientizando: Sexo exige muita responsabilidade, não apenas consigo mesmo, mas principalmente com o outro. Este tipo de responsabilidade, isso sim é amor.



O que vier no sentido de ajudar o autor na correção sintática e ortográfica será bem vindo.
Obrigado, paz e luz.

 https://www.facebook.com/santosdasne

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Os Deuses são ótimos amigos, mas terríveis inimigos


Os Deuses são bons amigos, mas terríveis inimigos 

 Os Deuses são ótimos amigos

 

  Colhendo palmas brancas




Tem um lugar secreto, no cume de uma montanha, onde só aquele que de fato ama consegue encontrar.
Ao subir por um estreito caminho, quase sempre com neblina, o viajante se encanta com a flora e a fauna local. Pássaros de várias espécies são abundantes na região e doam ao ambiente, lindos cânticos.
Há muitas flores em torno do caminho, mas as "palmas brancas" predominam nesta paradisíaca região, que quando a neblina baixa faz brilhar os olhos de qualquer mortal.
Havia um casal de amantes, que por forças das circunstâncias, sempre que possível, passeavam por ali e com o tempo, apaixonados pelo local, resolveram casar, tendo a natureza local por testemunha.
Ela segurando uma "palma recém-colhida", aceitou se unir de corpo e alma ao amado, que jurou libertá-la de forças "ocultas", que a assediavam, impedindo-a de alcançar patamares de vida mais iluminados.
O tempo passou e nada mais se sabe sobre os amantes, que não mais foram vistos na região, contudo dizem que, um ser de luz, pode ser visto a noite, uma vez por ano, no mesmo dia "daquele casamento ao ar livre", colhendo palmas brancas.
Os mais antigos contam que é o tal amante, em busca da pureza original da "promessa”, uma vez, que libertá-la, parece ser uma tarefa, que vai além do entendimento humano, e vai demandar “muitas vidas”, tendo em vista que, a amada, era uma sacerdotisa de tempos antigos, condenada a eras de sombras, por ter conhecido o amor de homem, dentro do templo onde se sabe que, os Deuses são bons amigos, mas terríveis inimigos.
Verdade ou não, conto ou realidade, fato é, que todos que hoje encontram este "local secreto", percebem uma pureza no ar e veem que as palmas brancas refletem luz.

Sendoluzmaior

Da imagem:http://3fasesdalua.blogspot.com.br/20 ... uresa-da-sacerdotisa.html

Sobre a sacerdotisa:

A Sacerdotisa é uma mulher espiritualizada, que revela forças ocultas e segredos, dotando-nos com esse conhecimento, é a imagem do elo com o misterioso e insondável mundo interior que denominamos “inconsciente”. Esse universo contém nossos potenciais a serem desenvolvidos bem como as facetas sombrias e mais primitivas de nossa personalidade.
A Sacerdotisa é a lei natural operando dentro das profundezas da alma, que governa o desenrolar do destino a partir de um ponto invisível e que é apenas revelado por meio do sentimento, da intuição e dos sonhos.

Texto do site:http://3fasesdalua.blogspot.com.br/20 ... uresa-da-sacerdotisa.html




Lúcifer, o projetista

Niom se manifestava através de um universo infinito, com bilhões de dimensões imateriais, onde o elemento de criação era o mais sutil de...