segunda-feira, 18 de março de 2013

Auê, sinal da cruz



Escrevo verbos

 Deslizam amores

 



Verbos vivos
Deslizam amores
Com emoções
Superam razões
Entoam canções


Escrevo verbos
Sinal da cruz
Cruz credo
O pé
Não arredo
Por credo
Pelo quê
Faço auê
Não vês
Por quê?

À vestimenta de culpa

À vestimenta de culpa minha Por trás de teus olhos me faz Lembrar amor que continha Mistério, alegria e paz